Projetos

SOS Oceans – System for Oil Spill contingency in the Oceans
Gulf Oil Spill

Objetivo: desenvolver um sistema em tempo real para detectar vazamentos de óleo no oceano e prever suas trajetórias.

Financiado por: Instituto Atlantis.

Status: em andamento.

Sumário: este é um projeto de P & D que é patrocinado por recursos financeiros próprios. É uma das principais iniciativas dentro da Divisão de Tecnologia do Meio Ambiente. Os vazamentos de óleo na superfície do oceano são detectados por RADAR e as imagens de RADAR são digitalizadas, criando uma mancha de óleo digital que é então assimilada em um modelo de óleo. O modelo de óleo é alimentado com campos de corrente 3D, produzido por uma implementação local do modelo ROMS, permitindo a previsão das trajetórias das manchas de óleo nos próximos 7 dias.

 

Avaliação de alternativas locacionais para implementação do emissário da CASAN na praia do Campeche, SC.

G2

Objetivo: Investigar os riscos e os impactos das alternativas locacionais propostas para implementação do emissário de esgoto na praia do Campeche.

Cliente: CASAN – Companhia Catarinense de Água e Esgoto.

Status: em andamento.

Sumário: Esse projeto foi contratado pela empresa POLAR, uma subcontratada da CASAN. O Instituto Atlantis fez a simulação numérica da circulação das águas da plataforma continental ao largo do Campeche e da dispersão de dejetos e coliformes de cada uma das 12 alternativas locacionais do emissário

Estudo das correntes e das ondas na Baía de Sepetiba, Rio de Janeiro, Brasil.
Porto da Marinha

Objetivo: Investigar o impacto causado pela construção de um estaleiro de submarinos da Marinha do Brasil sobre as correntes, as ondas e a dinâmica sedimentar da Baia de Sepetiba, Rio de Janeiro, Brasil.

Cliente: Marinha do Brasil/MRS Estudos Ambientais.

Status: Concluído.

Sumário: Nesse projeto o Instituto Atlantis foi contratado pela empresa MRS, uma sub-contratada da Odebrecht, para implementar um modelo de ondas e um modelo hidrodinâmico na Baia de Sepetiba e simular cenários com e sem o estaleiro, e assim dimensionar o impacto causado sobre as correntes, as ondas e o transporte, deposição e erosão de sedimentos.



Monitoramento da abundância do camarão no Estuário da Lagoa dos Patos.
Camaroes

Cliente: CBPO/Secretaria Especial de Portos (SEP).

Status: Concluído.

Sumário: Neste projeto o Instituto Atlantis foi contratado pelo consórcio CBPO, responsável pela obra de ampliação dos molhes, para avaliar se o aumento dos molhes alteraria a entrada de água salgada na Lagoa e ameaçaria a sobrevivência de larvas e, consequentemente, a safra do camarão.



Estudo do impacto da implantação do estaleiro da QUIP em Rio Grande, RS, Brasil.
Estaleiro

Cliente: QUIP/CTA.

Status: Concluído.

Sumário: Nesse projeto o Instituto Atlantis foi contratado pela CTA, uma sub-contratada da QUIP, para modelar as correntes, o transporte, a erosão e a deposição de sedimentos do baixo estuário da Lagoa dos Patos e entender o impacto a ser causado pela dragagem do canal de acesso ao novo porto da QUIP SA, na cidade de Rio Grande.



Plano de Manejo do Parque Nacional de Jericoacoara, Ceará:  Caracterização da Oceanografia, Meteorologia e Climatologia.
parque-nacional-de-jericoacoara

Cliente: ECOMEK/Instituto Chico Mendes.

Status: Concluído.

Sumário: O Instituto Atlantis foi contratado pela Ecomek, a empresa que ganhou licitação do Instituto Chico Mendes da Conservação da Biodiversidade (ICMBio)/MMA para elaboração do Plano de Manejo do parque. Nossa responsabilidade foi realizar a caracterização da climatologia, da meteorologia e da oceanografia do litoral do Ceará.



Modelagem de ondas e correntes para implantação do estaleiro EISA em Coruripe.
estaleiro-em-Coruripe

Cliente: EISA/Acquaplan.

Status: Concluído.

Sumário: Nesse projeto o Instituto Atlantis foi subcontratado da empresa Acquaplan, responsável pela elaboração do EIA/RIMA da obra. Nossa tarefa foi a implementação do modelo ROMS na área e a simulação de ondas e correntes em cenários sem a obra e com a obra, em dois locais diferentes, para a avaliação de alternativas locacionais.